• Autora

    Pós-Graduando em Especialização em Informática – Ênfase Análise de Sistemas pela UFMG, Bacharel em Sistemas de Informação (2006) pela Faculdades Pitágoras (Campus Fadom), técnica em Informática (2002) e em Contabilidade (1998). Atualmente Analista de Suporte Júnior III.

  • Direitos Autorais

    Alguns dos materiais (artigos, pdf’s, link’s) disponíveis ou utilizados na edição desse Blog, foram retirados de páginas da internet. Se acaso, algum desses itens for protegido por direitos autorais, queira o detentor do mesmo, me comunicar por email e o material será imediatamente retirado ou darei os devidos créditos!
  • Categorias

  • Arquivos

  • Análise de Sistemas

    • 14,326 hits

Sistemas: Conceitos Básicos

Em Sistemas de Informação deve-se considerar além dos computadores, as pessoas e a organização.

A visão do mundo como um sistema vem para facilitar esse problema e facilitar o uso dos computadores na realidade existente.

Podemos constatar hierarquia, níveis diferentes, algo que é parte de algo maior, a natureza é um exemplo.

Isto pode ser observado numa organização: a hierarquia e os seus  diversos níveis, setores que são parte de um setor maior.

Assim temos a possibilidade de se enxergar todos os objetos da realidade de uma visão única, como sistemas.

Em desenvolvimento de software podemos ver o seu ciclo de vida. Este é algo dinâmico, que inicialmente satisfaz as necessidades de seu usuário, mas com o passar do tempo passa a não satisfazer mais. Podemos ver seu ciclo através das diversas fases do seu processo de desenvolvimento.

Visão Sistêmica:

Visão de sistemas normalmente é necessário quando se trabalha com algo complexo, com muitas especializações, que exige muita comunicação e integração.

Quando temos dois subsistemas é necessário dominar a interação entre os mesmos.

Para Bertalanffy autor de livro clássico na área: Teoria Geral dos Sistemas, o conceito de sistemas: É  UMA  ENTIDADE  QUE  MANTEM  SUA  EXISTÊNCIA  ATRAVÉS  DA  INTERAÇÃO  DE  SUAS  PARTES.

O todo é maior que a soma das partes, o que exige a abordagem de sistemas.

Um exemplo: Hidrogênio e oxigênio separados são uma coisa, quando se juntam para formar a água, aparecem propriedades que não dispunham isoladamente.

Outra definição:

Conjunto de componentes inter-relacionados que  trabalham em  conjunto num ambiente para alcançar um objetivo.

Componentes:  peças, coisas, objetos, partes

Trabalho em conjunto:  efeito sinergético

Ambiente:  provê entradas, recebe saídas

Objetivo:  situação que se quer alcançar no futuro

Assim para se ver a realidade como um sistema, devemos localizar as suas partes, ver como essas são ou devem ser interligadas ( estrutura ) e de forma iterativa detalhamos essas partes e suas ligações, caracterizando as propriedades do sistema.

Na complexidade devemos dividir para conquistar. De forma iterativa ( de cima para baixo ou de baixo para cima ), fatorizando ou agrupando os sub-sistemas. O uso de modelos do sistema ( representação simplificada dos mesmos ) ajuda dominarmos a realidade com a abordagem da visão sistêmica. Os modelos ajudam a definir soluções para os problemas.

Diferenciação entre sistema, modelo e simulação.

Sistemas: Real,  existe e  opera  no  tempo  e  no  espaço.

Modelo: Representação simplificada dum sistema em  algum  ponto particular  do  tempo  e  do  espaço,  visando  promover  o  entendimento  do  mesmo.

Tipos de Modelos:

  • Físicos:                maquete
  • Formais:               maquete eletrônica, textuais, numéricos, gráficos, simbólicos
  • Conceituais:         diagrama caso de uso
  • Analíticos:             fluxograma

A UML é uma metodologia comumente utilizada hoje para o desenvolvimento de software, baseada em modelos com utilização de uma linguagem padrão.

Problemas:

Um projetista de sistemas pode encontrar problemas  ao trabalhar com modelos.

Um modelo que seja muito próximo da realidade, normalmente torna o entendimento dessa realidade muito difícil.

Simulação: Manipulação do modelo  de  tal  maneira  que  opera  no  tempo  e  no  espaço de forma  simplificada, de forma a se  aprender sobre  o  sistema.

  • Geralmente corresponde à automação dum  modelo;
  • Permite  o  estudo  da  interação  entre  as  partes  dum  sistema;
  • Processo é  interativo, até  ter-se  o  nível  adequado  de  entendimento sobre  o  sistema :

Faz-se o  modelo

Simula-se o modelo

Aprende-se  com a  simulação

Revisa-se o modelo

Na maioria das vezes é impossível experimentar na realidade as soluções encontradas, com o uso de modelos, com o uso da simulação podemos tornar essas soluções adequadas aos requisitos exigidos.

Tratamento de Complexidade

A  modelagem  e a  simulação  permitem  que  se  compreenda  três   tipos  de  complexidade:

  • De Estrutura: visão das funções e da estrutura dos componentes dos sistemas ( estática );
  • Da Dinâmica:  visão comportamental dos sistemas  (causa  e  efeito  no  tempo  e  no  espaço );
  • Da Arquitetura: visão da organização das partes do sistema ( onde os componentes se localizam ).

Perspectiva para visualizar um sistema

Ao se desenvolver um sistema ( software) existem momentos que é necessário vê-lo no seu contexto, sem entrar nos seus detalhes internos ( como uma caixa preta ). Em outros momentos devemos mergulhar nos detalhes internos do mesmo ( caixa branca ).

Caixa Preta Caixa Branca
O sistema como um todo

Os limites do sistema

Como é usado

Os serviços que provê

Os requisitos que cumpre

Partes ou elementos qu constituem o sistema
Especifica o contexto do sistema
  • Atores do sistema e suas relações (usuários ou sistemas externos);
  • Entidades e relações de entrada e saída;
  • Comportamento do sistema (casos de uso, serviços, estados);
  • Restrições de projeto.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: