• Autora

    Pós-Graduando em Especialização em Informática – Ênfase Análise de Sistemas pela UFMG, Bacharel em Sistemas de Informação (2006) pela Faculdades Pitágoras (Campus Fadom), técnica em Informática (2002) e em Contabilidade (1998). Atualmente Analista de Suporte Júnior III.

  • Direitos Autorais

    Alguns dos materiais (artigos, pdf’s, link’s) disponíveis ou utilizados na edição desse Blog, foram retirados de páginas da internet. Se acaso, algum desses itens for protegido por direitos autorais, queira o detentor do mesmo, me comunicar por email e o material será imediatamente retirado ou darei os devidos créditos!
  • Categorias

  • Arquivos

  • Análise de Sistemas

    • 13,815 hits

Qualidade

Qualidade para a Wikipédia “é um conceito subjetivo que está relacionado diretamente às percepções de cada indivíduo. Diversos fatores como cultura, modelos mentais, tipo de produto ou serviço prestado, necessidades e expectativas influenciam diretamente nesta definição.”

Ou seja, o que tem qualidade para mim não necessariamente terá qualidade para outro individuo.

Abordaremos aqui:

A qualidade de um produto ou serviço, estes podem ser olhados de duas ópticas: a do produtor e a do cliente. Do ponto de vista do produtor, a qualidade se associa à concepção e produção de um produto que vá ao encontro das necessidades do cliente. Do ponto de vista do cliente, a qualidade está associada ao valor e à utilidades reconhecidas ao produto, estando em alguns casos ligada ao preço.

Terminologia padrão de acordo com o IEEE Standard 729

Erro: erro humano.

Defeito: resultado do erro evidenciado em algum desenvolvimento ou

manutenção do produto.

Falha: divergência entre o comportamento requerido para o sistema e o

comportamento real.

Como o erro causa uma falha?

Erro humano => Defeito => Falha

A falha é sempre causada pelo erro humano.

Falha (o que causou) => Um defeito (o que causou o defeito) => erro humano.

Abordagens

• Teste

• Depuração

• Automação do teste

• Facilitação da manutenibilidade

Algumas perguntas???

• Qual é a diferença entre Teste e Depuração?

• Quais são as filosofias de teste?

• Por que um teste não pode ser usado para mostrar a  ausência de erros?

• Como projetar casos de teste?

• Quais são os tipos de teste?

O teste do programa pode ser usado para descobrir a presença de erros, mas não para mostrar a sua ausência. [Djkistra]

TESTE é o processo de executar um programa com a finalidade de encontrar erros. [Myers]

Assim podemos dizer: Erro no programa => Sucesso no teste.

DEPURAÇÃO (Debug) mostra a natureza do erro e o corrige.

[Myers]

Teste – Mostra que existe umerro. Depuração – Mostra a natureza doerro e o corrige.

Correção do Erro Errado

Fatores Psicológicos – fazer revisões, ser cético.

Filosofias de Teste

Caixa Preta – ver a lógica do programa.

Planejamento de Teste

Casos de Teste Entradas Resultados Esperados ResultadosObtidos
1 A A B
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: